O vereador Police Neto promoveu duas reuniões essenciais esta semana para enfrentar a onda de violência contra motoristas e usuários de aplicativos que só em setembro custou a vida de 10 pessoas. O secretário de Seguranca Urbana, Coronel José Roberto Rodrigues de Oliveira e o secretário executivo da PM, Coronel Camilo, receberam o vereador e diferentes comitivas de representantes dos motoristas e das empresas Cabify, 99 e Uber. O chamado #movimentopelavida apresentou as demandas definidas em audiência pública realizada recentemente na Assembleia Legislativa.

Na terca-feira (8/10), a comitiva pediu a Oliveira a implementação de um botão de emergência nos aplicativos. Esse mecanismo permitirá que as mais de 3 mil câmeras de monitoramento espalhadas pela cidade possam identificar a placa do carro em risco. Outra demanda discutida foi a instalação de câmeras de segurança no interior dos veículos. Elas serão integradas ao sistema CityCâmeras, que têm as imagens transmitidas para o Comando da Guarda Civil Metropolitana e compartilhadas com as polícias Militar e Civil.

Foi formado um grupo de trabalho na reunião para encaminhar as demandas. O resultado desses estudos deve ser apresentado nas próximas semanas. Já na quinta-feira (10/10), após encontro com o vereador e representantes dos motoristas, o Coronel Camilo se comprometeu a responder em uma semana a lista de 13 demandas definidas durante a audiência na Assembleia.

Comece a digitar e pressione Enter para pesquisar