Skip to content

Chamada Cívica destina R$ 600 mil para melhorias em praças

O projeto Chamada Cívica – uma parceria entre a plataforma Praças e o vereador José Police Neto para selecionar e executar projetos de melhoria em praças da cidade – será lançado oficialmente neste sábado (27/04), às 10h30, na Sala Multiuso da Biblioteca Infantojuvenil Monteiro Lobato. Em modelo inovador de democratização no acesso a verbas públicas, Police vai destinar R$ 600 mil em emendas parlamentares para grupos interessados em criar, reformar ou qualificar praças localizadas nas áreas de atuação das subprefeituras da Sé, Pinheiros, Perus, Vila Mariana e Santo Amaro. Qualquer grupo pode inscrever sua proposta até 30/06.

A plataforma já está no ar em chamadacivica.pracas.com.br . O encontro de lançamento na Biblioteca Monteiro Lobato (Rua General Jardim, Praça Rotary) reúne os organizadores da Chamada Cívica, representantes das subprefeituras, dos conselhos participativos e associações de moradores, potenciais autores de projetos de revitalização de praças, para discutir possíveis propostas e como tirá-las do papel. O fundador da plataforma praças, Marcelo Rebelo, o vereador Police Neto e equipe técnica vão detalhar a iniciativa e tirar dúvidas de grupos interessados durante o encontro.

No mesmo dia, coincidentemente, o grupo Amigos da Praça da Vila Buarque realiza um mutirão de plantio de mudas na mesma praça onde se localiza a biblioteca. Após a apresentação da Chamada Cívica, os participantes que quiserem partir imediatamente da teoria à prática, estão convidados a colaborar no mutirão. Associado à plataforma Praças, o grupo voluntário de vizinhos cuida da praça desde 2018 e conseguiu a doação de 13 mil mudas do viveiro Manequinho Lopes.

Sobre a Chamada Cívica
Qualquer grupo pode se inscrever na Chamada, mesmo que não seja uma associação de moradores formalmente constituída. Os projetos precisam ter custo mínimo de R$ 30 mil e máximo de R$ 100 mil, e as praças devem fazer parte do perímetro de atuação das subprefeituras já citadas. Há duas categorias para inscrição dos projetos: comunidades engajadas, que já tenham algum tipo de atuação e mobilização da vizinhança, e iniciantes, que não tenham histórico de atuação. Saiba mais em: https://bit.ly/2XDkJvW

Serviço
Chamada Cívica – apresentação
27/04 – 10h30
Sala Multiuso da Biblioteca Infantojuvenil Monteiro Lobato
Rua General Jardim – Praça Rotary

Compartilhe nas redes sociais

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on telegram
Telegram
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

Police Neto garante isenção de TPU para comerciantes que trabalham usando o espaço público

Do Caminhar Pinheiros ao Ocupa Rua – a “guerra do meio fio” em São Paulo

Vereador assina compromisso com Programa Cidades Sustentáveis