Na manhã desta quarta-feira (6/11), a Uber realizou o primeiro evento com o tema segurança na América Latina e apresentou uma série de novas ferramentas neste sentido, tanto para os motoristas como para os usuários. Entre as principais novidades estão a verificação de documentos dos passageiros e a implementação de um sistema de gravação criptografada. As iniciativas foram anunciadas pelo próprio diretor global de produtos de segurança da Uber, Sachin Kansal.

Gravação de áudio

Em dezembro, os motoristas contarão com uma nova ferramenta de gravação de áudio ambiente para ajudar a garantir maior segurança durante as corridas. A opção vai funcionar a partir do ícone azul de segurança do aplicativo e poderá ser acionado tanto pelos motoristas quanto pelos usuários, mas ninguém poderá ouvir o conteúdo. Caso o material possa ser usado como denúncia, o parceiro ou o passageiro poderão encaminhá-lo para a central de segurança da empresa.

Doc Scan

Os usuários que não adicionarem no cadastro meios digitais de pagamento terão de submeter ao aplicativo um documento de identificação, que terá a autenticidade verificada. O Doc Scan, como é chamada a ferramenta, estará disponível até o fim de março do ano que vem.

Selfie com movimento

A fim de garantir mais segurança no procedimento que os motoristas fazem de tirar uma selfie de tempos em tempos pra ficar online, a Uber solicitará que o parceiro faça alguns movimentos como piscar, virar o rosto e sorrir. O procedimento permitirá verificar com mais precisão se aquele é de fato o motorista cadastrado, o que prevenirá fraudes e protegerá a integridade da conta dos trabalhadores.

Checagem de Rota

Para os próximos meses, a operadora também vai passar a oferecer a Checagem de Rota. O mecanismo permitirá que o aplicativo cheque todo o percurso da viagem, observando anormalidades como, por exemplo, um veículo que para fora da rota ou que faz uma parada longa. Se acontecer de uma corrida fugir do caminho original, a Uber contatará o motorista para verificar o que ocorreu. Tanto o passageiro como o motorista poderão reportar a empresa sobre eventuais problemas.

Senha e ultrassom

Antes de começar a corrida, o usuário poderá optar pelo recebimento de uma senha de quatro dígitos que será conferida com o motorista para que ele consiga iniciar a viagem. Futuramente, esse sistema funcionará por meio de um ultrassom, que checará as senhas automaticamente entre os aparelhos celulares do usuário e do motorista.

Reporte durante a viagem

O usuário do aplicativo poderá denunciar enquanto está na corrida, como por exemplo direção imprudente por parte do motorista. Quando a viagem se encerrar, a equipe de suporte da Uber entrará em contato para mais informações e encaminhar a denúncia.

Comece a digitar e pressione Enter para pesquisar